Jornalistas do Estado de Minas ganham prêmio com série sobre a tragédia de Mariana

A equipe de jornalistas do Estado de Minas ganhou o primeiro lugar do 4º Prêmio de Jornalismo Promotor de Justiça Chico Lins, com a série de reportagens “Tragédia Brasileira”, que retrata o rompimento da barragem da mineradora Samarco (Vale / BHP Billiton) em Bento Rodrigues, distrito de Mariana. O resultado foi divulgado nesta segunda-feira 18/1.

O prêmio é realizado pela Associação Mineira do Ministério Público. A série vencedora aborda também o trabalho do Ministério Público para mitigar os prejuízos da tragédia. Concorreram mais de cem profissionais, entre repórteres, jornalistas, editores e chargistas.

O segundo lugar ficou com a reportagem “25 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente”, do repórter Renato Fonseca, do jornal Hoje em Dia, que contou com participação de Raquel Ramos e Flávio Tavares. O terceiro lugar coube à reportagem “O combate das farras das diárias e ao empreguismo no serviço público”, também do Estado de Minas, do repórter Luiz Ribeiro Santos e Maria Clara Prates.

Os prêmios são de R$ 10 mil, para o primeiro lugar; R$ 5 mil, para o segundo e R$ 2,5 mil, para o terceiro. A solenidade de entrega acontecerá no próximo dia 25 janeiro.

O objetivo do prêmio é estimular a publicação de matérias relacionadas com a atuação do Ministério Público brasileiro e reconhecer e premiar trabalhos jornalísticos que se destaquem por tornarem acessíveis ao público informações sobre o MP. O prêmio homenageia o promotor de Justiça Francisco José Lins do Rêgo Santos, que era secretário da Promotoria de Defesa do Consumidor, o Procon Estadual, quando foi assassinado, em 25 de janeiro de 2002. Chico Lins, como era conhecido pelos colegas, foi morto com sete tiros, durante investigação sobre a máfia dos combustíveis em Minas Gerais.

(Com informações do saite da AMMP.)

 

Veja também

Emissoras educativas mineiras migram da Rede Minas para a TV Cultura de SP

Emissoras de televisão educativas de Minas Gerais lideradas pela Associação Mineira de Rádio e Televisão ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *