Jornalistas lesados pelo Hoje em Dia na declaração de Imposto de Renda recebem orientação do Ministério do Trabalho

Jornalistas dispensados pelo Hoje em Dia em 2016 participaram nesta terça-feira 25/4 de mediação com representantes da empresa na Superintendência Regional do Trabalho e Emprego. A reunião foi solicitada pelo Sindicato com o objetivo de tentar resolver os problemas decorrentes das informações erradas fornecidas pela direção do jornal para a declaração de imposto de renda. Apesar de já ter sido comunicada dos erros e de prometer corrigi-los, a empresa não cumpriu a promessa.

“A empresa errou novamente. Isso mostra que não se trata de um simples erro, mas de má-fé”, disse na reunião o presidente do Sindicato, Kerison Lopes. Ele denunciou que, em assembleia realizada no dia anterior, jornalistas da ativa do jornal também informaram ter sido lesados.

O mesmo problema foi identificado nos salários, que estão sendo pagos de forma irregular. O Sindicato já contratou uma auditoria externa para verificar todos os salários de jornalistas do Hoje em Dia.

“O curioso é que os erros sempre lesam os jornalistas e favorecem a empresa, nunca acontece o contrário”, ironizou Kerison.

Os jornalistas do Hoje em Dia foram orientados pela procuradora do Trabalho sobre como proceder nas suas declarações de imposto de renda.

Os dispensados deverão declarar à Receita Federal o salário recebido em janeiro de 2016 e usar a ata da reunião para comprovar a informação errada fornecida pela empresa. O Sindicato solicitou que o Ministério do Trabalho notifique diretamente a Receita Federal sobre a irregularidade.

Os jornalistas que estão na ativa devem proceder de forma diferente, segunda a procuradora. Eles devem fazer suas declarações de acordo com os informes da empresa, mesmo tendo sido lesados. A mesma ata poderá ser usada em ações contra a empresa na justiça.

A ata da reunião de mediação pode ser lida clicando aqui.

[25/4/17]

Veja também

SJPMG repudia ataques a jornalistas por vereadora de Bom Jesus do Amparo

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais vem a público repudiar os ataques feitos ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *