Greve no Correio Braziliense entra no terceiro dia

A greve dos jornalistas do Correio Braziliense entrou no terceiro dia e será reavaliada em assembleia às 14h desta quinta 10/12. Os trabalhadores da redação exigem o pagamento integral do salário de novembro, vencido no dia 4. Até a assembleia de ontem 9/12, os jornalistas tinham recebido 65% do valor devido.

A maioria dos trabalhadores decidiu seguir com o protesto e ressaltou que a paralisação avançou para o terceiro dia em resposta ao histórico de alguns anos de atrasos recorrentes de pagamentos, incluindo férias, auxílio refeição, cláusulas de Convenção Coletiva e outros. Também o descumprimento de acordos, entre eles um fechado em setembro passado na Justiça do Trabalho, contribuiu para que os jornalistas votassem pelo prosseguimento da greve.

O Sindicato dos Jornalistas do Distrito Federal reafirma a justeza das reivindicações dos jornalistas do Correio e vê na determinação para manter o movimento uma mensagem de luta para o conjunto da categoria. O Correio Braziliense é um veículo dos Diários Associados, mesma empresa do jornal Estado de Minas e TV Alterosa.

(Publicado pela Fenaj.)

[10/12/20]

 

Veja também

Contra ataques de Jair Bolsonaro a jornalistas, Sindicato de SP entra com ação

Neste dia 7 de abril, Dia do Jornalista, o Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *