SJPMG repudia intimidação a jornalista em Carmo do Cajuru

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais repudia mais uma tentativa de intimidar a imprensa. Dessa vez, o alvo é o jornalista Gustavo Abib, editor do Jornal Boca da Mata, que na edição de janeiro deste ano publicou críticas ao secretário de Planejamento e Fazenda de Carmo do Cajuru, município do Oeste mineiro, Matheus Maia.

Numa atitude que vem se tornando comum nos últimos anos, Maia prestou queixa contra o jornalista na delegacia local.

O SJPMG manifesta seu estranhamento ao fato de o Ministério Público ter aberto transação penal contra o jornalista mesmo sem que o delegado tenha indiciado o jornalista, pois não viu indício de crime.

Vigiar e criticar os poderes públicos é uma das mais nobres funções da imprensa na democracia. A liberdade de imprensa é garantida pela Constituição. Autoridades que em vez de zelar pelo cumprimento da lei investem contra jornalistas vão contra decisões reiteradamente tomadas pelos mais altos tribunais do País. Intimidar jornalistas é colaborar para o enfraquecimento da democracia, já tão mutilada no Brasil.

Basta de intimidações e violências contra jornalistas!

[11/3/20]

 

Veja também

Certificados do Curso Livre de Jornalismo já estão disponíveis

Se você se inscreveu antecipadamente e assistiu 50% das aulas da segunda temporada do Curso ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *