Estudantes entram em greve em apoio à greve dos jornalistas de Alagoas

Os alunos de Comunicação Social da Universidade Federal de Alagoas decidiram em assembleia entrar em greve em apoio à greve dos jornalistas alagoanos. A decisão dos estudantes recebeu adesão dos professores e foi referendada pelo Colegiado do curso, que deliberou pela suspensão das aulas enquanto durar a greve dos jornalistas.

Os estudantes da UFAL lutam pelo seu futuro. A greve dos jornalistas alagoanos entrou no seu quarto dia nesta sexta-feira 28/6 e é total. Eles resistem à tentativa dos patrões de cortar seus salários em 40%. Emissoras de televisão foram obrigadas a reprisar programação.

A greve recebe apoio da população e até de autoridades. Os jornalistas fazem piquete na porta das três emissoras de televisão e portais: TV Gazeta (afiliada à Rede Globo e pertencente à família do senador e ex-presidente Fernando Collor), TV Pajuçara (afiliada da Rede Record) e TV Ponta Verde (Grupo Opinião). O semanário Gazeta, do grupo da TV, também está paralisado.

Veja a nota publicada pelo Diretório Acadêmico Freitas Neto no Facebook:

“Após uma intensa mobilização dos estudantes, o colegiado de jornalismo considerou a decisão tomada em assembleia estudantil e deliberou em favor da recomendação da suspensão das aulas em apoio a Greve dos Jornalistas no período de sua duração.

Depois de muita diálogo, a gestão do DAFN colocou a pauta da greve na reunião, devida a sua importância para o momento. A partir da força da mobilização dos estudantes, os professores se sentiram engajados a participar também do movimento, oferecendo-se para coordenar momentos acadêmicos na programação da greve.

DAFN, Gestão Nós por Nós”

(Nota e imagem: DAFN.)

 

Leia também: Greve dos jornalistas de Alagoas é total e completa 3 dias

 

#LutaJornalista

#SindicalizaJornalista

[28/6/19]

Veja também

Emissoras educativas mineiras migram da Rede Minas para a TV Cultura de SP

Emissoras de televisão educativas de Minas Gerais lideradas pela Associação Mineira de Rádio e Televisão ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *