Marcha das Mulheres realiza bazar na Casa do Jornalista neste sábado 11/5

A Marcha Mundial das Mulheres realiza no próximo sábado 11/5, das 10h às 17, na Casa do Jornalista (Avenida Álvares Cabral, 400, Centro, BH), o Bazar da Marcha. Estarão à venda roupas, calçados e acessórios, além de tropeiro e da cerveja artesanal Libertária, produzida por mulheres em Viçosa. Haverá também apresentação do Slam das Manas, um sarau de poesia declamada por jovens.

O objetivo do bazar é arrecadar recursos para a Marcha das Margaridas, manifestação de mulheres rurais que acontece de quatro em quatro anos desde 2004, em Brasília. Ela está marcada para os dias 13 e 14 de agosto próximo, e este ano terá o caráter de denúncia da retirada de direitos dos trabalhadores, em especial as mulheres do campo. Em 2016, a marcha reuniu cerca de 70 mil mulheres e de Minas Gerais partiram 60 ônibus.

A Marcha Mundial das Mulheres é um movimento fundado há 19 anos, depois que uma marcha de dez dias de sindicalistas e professoras de Quebec, Canadá, conquistou direitos importantes para as mulheres. Elas entenderam que as conquistas se perderiam com o tempo, a não ser que o movimento se espalhasse por outras nações. Hoje, o MMM está presente em mais de 150 países; no Brasil, está em 22 estados e em todas as regiões de Minas Gerais. De cinco em cinco anos o movimento realiza uma grande ação mundial; a próxima será em 2020 e terá como lema “Resistimos para viver, marchamos para transformar”.

Para acompanhar o Bazar da Marcha na página do evento no Facebook clique AQUI.

(Foto: Marcha das Mulheres em BH. Crédito da foto: Elaine Campos.)

 

#LutaJornalista

#SindicalizaJornalista

[8/5/19]

Veja também

15 projetos de lei endurecem penas de crimes contra jornalistas no Brasil

Por Júlio Lubianco Num momento de piora da liberdade de imprensa no Brasil, pelo menos ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *