Sindicato se solidariza com promotor afastado de suas funções

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais se solidariza com o promotor de Justiça do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) Eduardo Nepomuceno, afastado de suas funções.

Segundo noticiou o jornal O Tempo, o plenário do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) decidiu pela remoção compulsória do promotor na terça-feira 13/12. O motivo alegado é que ele teria descumprido deveres funcionais previstos na lei orgânica da entidade.

Eduardo Nepomuceno é um profissional respeitado pelos jornalistas por seu trabalho dedicado em defesa dos interesses públicos e sempre tratou a imprensa com transparência.

Desde 2003 na 17ª Promotoria de Belo Horizonte de Defesa do Patrimônio Público, ele atuou em casos de grande importância nos últimos anos, entre eles a queda do viaduto Batalha dos Guararapes, a investigação contra o presidente afastado da Câmara dos Vereadores de Belo Horizonte, Wellington Magalhães, a apreensão do helicóptero do senador Zezé Perrella com meia tonelada de cocaína e as obras de reforma do Mineirão.

O Sindicato espera que o afastamento do promotor não represente retrocessos em investigações importantes para a sociedade nem no relacionamento do MPMG com a imprensa.

[16/12/16]

Veja também

MPT arquiva denúncia da chapa 1 contra eleição do SJPMG

O Ministério Público do Trabalho (MPT) arquivou nesta semana denúncia envolvendo o processo eleitoral para ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *