Jornalistas elegem novas diretorias da Fenaj e de sindicatos

A “Chapa 1- Sou Fenaj”, encabeçada pela atual 1ª vice-presidente da entidade, Maria José Braga, venceu as eleições para a próxima gestão da entidade, triênio 2016-2019. Foram coletados em todo Brasil 3997 votos, total que superou o quórum exigido pelas regras eleitorais. Destes, 3931 foram considerados válidos pela CEN e 68, anulados. A Chapa 1 obteve 2300 votos, a Chapa 2 recebeu 1544. Para a Comissão Nacional de Ética, foram eleitos Audálio Dantas, Aloísio Morais, Vera Daisy Barcellos, Carmen Pereira e Antônio Pinheiro Sales.

A atual diretoria da Fenaj saúda a direção eleita e conclama todos os jornalistas brasileiros a celebrarem unidos este essencial momento democrático de definição política e fortalecimento da sua entidade máxima. Neste 2016, quando a nossa Federação completa 70 anos em defesa do Jornalismo e dos jornalistas, também ressalta a importância de eleger, pela segunda vez em sua história, uma mulher para a presidência da entidade.

Nossos agradecimentos especialmente à Comissão Eleitoral Nacional e aos Sindicatos filiados que muito se empenharam para fazer acontecer as eleições e aos profissionais que compareceram às urnas, todos compreendendo que é fundamental fortalecer a sua Federação e participar da construção da sua história de lutas.

A eleição em números

Votos coletados – 3997

Votos Válidos – 3931

Votos anulados pela CEN – 68

Chapa 1 – 2300 (58,50%)

Chapa 2 – 1544 (39,27%)

Nulos – 13 (0,33%)

Brancos – 74 (1,88%)

Sindicatos também elegem novas direções

Em nove Sindicatos da categoria houve também eleição para as novas direções durante o processo eleitoral da Fenaj. No Sindicato do Mato Grosso do Sul, em eleição realizada no dia 28 de junho, foi eleita a chapa presidida por Marta Ferreira de Jesus. No Sindicato de Goiás, a chapa “Em defesa da democracia, do jornalismo e dos jornalistas goianos”, presidida por Luiz Spada, foi eleita em processo realizado nos dias 19 e 20 de julho. No Sindicato da Bahia, em pleito realizado nos dias 20 e 21 de julho, foi eleita a chapa “Jornalistas na Resistência”, presidida por Marjorie Moura. E para o Sindicato de Pernambuco, foi eleita a chapa “Somos Sindjope”, presidida por Juliano Domingues da Silva.

Para as direções de quatro Sindicatos de Jornalistas os processos eleitorais contaram com duas chapas. No Sindicato do Ceará foi eleita a Chapa 1, “Jornalistas em Luta por Direitos e Democracia”, presidida por Samira de Castro. No Rio Grande do Norte a eleição foi realizada no dia 8 de julho e foi a eleita a chapa 1, “Sou Sindjorn, Nova Luta! Novamente!”, presidida por Breno Perruci.  No Sindicato do Município do Rio de Janeiro a vencedora foi a chapa 4, ”Plural – Em Defesa do Jornalista Profissional”, e a direção da entidade é colegiada. Já no Rio Grande do Sul foi eleita a chapa 1, “Orgulho de Ser Jornalista”, presidida por Milton Simas.

(Publicado no saite da Fenaj.)

Veja também

Câmara de Aracaju aprova exigência de diploma para jornalistas no poder público municipal

A Câmara Municipal de Aracaju (SE) aprovou por unanimidade nesta quarta-feira 21/10, em sessão remota ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *