Casa do Jornalista é objeto de estudo acadêmico

A jornalista e professora de ética Valéria Said obteve o 1º lugar no Mestrado em Estudos Culturais Contemporâneos, da Fumec, tendo a Casa do Jornalista como objeto de estudo. A jornalista pretende dissertar sobre a preservação e a requalificação da Casa do Jornalista e seu impacto no ethos profissional dos mineiros. Valéria Said também foi eleita presidente da recém-instalada Comissão de Ética e Liberdade de Imprensa do Sindicato.

 

Foto: Apresentação de Seminário sobre Cidades Criativas e contextualização da Casa do Jornalista como espaço criativo na politização de práticas culturais cotidianas para os cidadãos, na disciplina Espaços Urbanos, do professor doutor Luiz Henrique Barbosa.

Veja também

Aos 84 anos, morre o jornalista Hélio Fraga

O jornalismo perdeu mais um de seus grandes nomes em Minas. Faleceu ontem, de complicações ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *